MULHER
Marilena Frade

A que tem sono leve quando o filho nasce
E como a fênix, que das cinzas e das dores,
a cada dia, renasce!
Que chora quando ama, apaixonada
e faz o coração, do amor, eterna morada!

Mulher,
a que, com sua prece, o mundo presenteia,
que batalha, corre, suspira, malha
e o amor semeia!
Que planta e colhe,
se entrega inteira toda uma vida!

E não morre, se no amor não tiver guarida!
 suporta!
Ou, então, revida!
Busca, não quer perder,
Luta, vence
Eternamente mulher! 



- Respeite os Direitos Autorais -

 

 

Copie o código para colar no scrap do Orkut

 

Romantic Home/ Web designer Ana Amélia Donádio
®DireitosAutoraisReservados©