Buquê de Rosas
Silvia Schmidt


Eu hoje amanheci sem meu sorriso.
Hoje estou triste sem saber porquê,
E uma saudade intensa de você
Põe-me a ficar assim, de sobreaviso.

Meu caminhar é lento, é indeciso
Quando minh'alma busca o que não vê,
E é neste estado que ninguém me lê,
Porque nem eu descubro o que preciso.

A casa é grande e o coração pequeno
Quando ao passado o meu pesar aceno
E sinto os pés em áreas pedregosas.

Quem colocou o fim fora de hora
Naquele amor que doce foi outrora,
Que feneceu como um buquê de rosas?

Sílvia Schmidt
Humancats
(Direitos Autorais Protegidos)

 

Romantic Home/ Web designer Ana Amélia Donádio
Página editada em 15/10/2008.
®DireitosAutoraisReservados©